Samurai Flamenco

 

Escolher trabalhar em Samurai Flamenco foi um tiro no escuro, porque até a estreia do primeiro episódio, ninguém sabia exatamente do que ia se tratar (inclusive por isso algumas pessoas devem ter se frustrado ao ver o anime, porque estavam esperando um Tiger & Bunny 2…). Mas existiam coisas para eu me apegar, primeiro o fato de ser um anime do NoitaminA e segundo o Takahiro Omori, que entre outras coisas, já dirigiu KURAGEHIME e DURARARA!! (Baccano, Natsume Yuujinchou’s e mais uma porrada de coisas boas). A última vez que eu apostei em um anime sem saber nada sobre ele, principalmente por conhecer os trabalhos anteriores do diretor foi em… Mawaru Penguindrum! E o Ikuhara não falhou em me surpreender positivamente. Foi um sucesso (cult, mas um sucesso lol).E Samurai Flamenco, até agora tem sido bastante divertido e está mostrando uma história meio inusitada.

Um modelo de 19 anos, Masayoshi Hazama, tem um sonho meio incomum: ele quer ser um super-herói (super sentai). Mas, ao contrário dos heróis da ficção, ele não tem nenhum superpoder, não é um ciborgue, alien e nem muito menos tem armas especiais. Ele é só um cara normal com um sonho anormal (bom, todo mundo tem um sonho meio impossível e fora do comum de vez em quando lol). Mas o Masayoshi não é um cara que fica se lamentando por ter um sonho impossível de ser realizado e que vive outro tipo de vida que não é a que ele queria: ele realmente chega a se fantasiar de super-herói, o Samurai Flamenco, e sai pelas ruas para combater o mal… mesmo que não existam monstros gigantes ou vilões poderosos destruindo a cidade. O mal que o Masayoshi combate são as pequenas infrações que as pessoas normais cometem todos os dias, como atravessar a rua fora da faixa, jogar lixo fora do lixo, fazer barulho nas ruas etc. Ele acha que como não passa de um cara normal, deve começar de baixo e ir ganhando experiência (XP) para poder se tornar um herói de verdade algum dia.

Inicialmente, o Samurai Flamenco é totalmente desacreditado, considerado um maluco e até pervertido, mas aos poucos conseguiu ganhar fama (bendita Internet lol). Eu não sei que rumo essa história vai tomar, mas eu espero que o Masayoshi consiga ampliar essa “corrente do bem”, mesmo que não hajam inimigos para serem combatidos, existe muita coisa errada na sociedade. E lidar com essas coisas de forma humorada, é só um algo a mais que torna as coisas bem interessantes.

 

INDEX DE EPISÓDIOS

 

Versão HD-TV 10bits:

Episódio 01 - [FF] [MU] 

Episódio 02 - [FF] [MU]

Episódio 03 - [FF] [MU] [UB]

Episódio 04 - [FF] [MU]

Episódio 05 - [FF] [MU] [UB]

Episódio 06 – [FF] [MU]

Episódio 07 – [FF] [MU]

Episódio 08 – [FF] [MU]

Episódio 09 – [FF] [MU]

Episódio 10 – [FF] [MU]

Episódio 11 – [FF] [MU]

Episódio 12 – [FF] [MU]

Episódio 13 – [FF] [MU]

Episódio 14 – [FF] [MU]

Episódio 15 – [FF] [MU]

Episódio 16 – [FF] [MU]

Episódio 17 – [FF] [MU]

Episódio 18 – [FF] [MU]

Episódio 19 – [FF] [MU]

Episódio 20 – [FF] [MU]

Episódio 21 – [FF] [MU]

Episódio 22 Final – [FF] [MU]

 

0 comentários:

Postar um comentário